Esqueceu a senha?
Sem conta? Criar Conta!

O que pensa do projecto para os arranjos exteriores do Largo da Igreja?
 
Início

Arranjos exteriores do largo da igreja
Escrito por Nuno Pequito   
20-Mai-2009

Depois de, durante a festa, a Câmara Municipal ter apresentado o projecto para os arranjos exteriores do largo da Igreja - e porque muita gente não teve oportunidade de ver os planos que estiveram em exposição - deixo abaixo uma cópia desses planos que me foi gentilmente cedida pelo gabinete técnico da câmara juntamente com a memória descritiva do monumento. Todas as opiniões e comentários são bem vindos.

Monumento à Capela de S. Marcos e à Feira de Bois - Memória Descritiva

O monumento à capela de S. Marcos e à Feira de Bois no Pergulho integra quatro elementos que se interligam e compõem. Num bloco de granito azul assenta uma reprodução limpa de pormenores da antiga capela, que pretende mais que representar a sua arquitectura marcar o local onde esta existiu, mantém-se a fachada principal voltada a poente característica comum destas construções. De uma das faces do bloco, como que se viesse do passado, do tempo da Feira de Bois sai um torço de boi que se encontra a beber água do quarto elemento, o bebedouro, mas tem uma torção no pescoço que o volta para a zona de passagem dos peões, está alerta. Esta posição pretende dar uma dinâmica ao boi, afastando-o de uma postura estática.

Arranjo Paisagístico do Largo da Igreja do PergulhoMonumento à capela de S. Marcos e à Feira de Bois no PergulhoMonumento à capela de S. Marcos e à Feira de Bois no Pergulho

 


Visualizações: 2797

  Comentários (3)
 1 Escrito por Pedro Farinha, on 03-06-2009 22:37
A ideia de um memorial neste mesmo sítio há muito era desejada e felizmente estará concretizada brevemente. Deixo aqui a minha opinião em relação a duas coisas. 
 
Em primeiro a replica da antiga capela sobre a qual é dito ser "limpa de pormenores,....,que pretende mais que representar a sua arquitectura marcar o local onde esta existiu". Penso que, um monumento a um edifício antigo e já inexistente deveria ser uma reprodução o mais fiel possível daquilo que em tempos foi uma edificação tão emblemática na zona, a Capela de São Marcos. 
 
O segundo ponto sobre o qual gostaria de expressar a minha opinião, é o torço de boi que sai de uma das faces do bloco. É certo que desconheço completamente a antiga imagem do boi que em tempos existiu na capela (não a que faz parte da imagem de São Marcos, mas uma independente que existiu) e contra a qual as crianças eram levadas a "marrar", mas, sou levado a questionar se este torço de boi não será mais a representação de um touro bravo do que propriamente de um boi de criação caseira a beber num bebedouro, como acontecia antigamente. Volto a frisar que desconheço essa antiga imagem, mas esta reprodução do boi, parece-me demasiado "taurina". 
 
O aspecto e a descrição geral do monumento parecem-me muito bem; trarão àquela zona da aldeia uma alma nova! 
Aqui fica a minha simples opinião acerca do monumento, opinião essa que gostava de ver expressa por muitas mais pessoas do Pergulho e Murteira. 
Gostava também de obter uma contra-opinião por parte do autor, acerca das dúvidas/questões que coloquei. 
 
Cumprimentos 
Pedro Farinha
 2 Escrito por José Alves Catarino, on 13-07-2009 08:18
Sempre achei curioso que o S. Marcos dos Pergulhos tivesse um touro em vez do tradicional leão. Vejo no comentário do Paulo Farinha que haveria na antiga capela uma imagem dum boi. Alguem sabe mais qualquer coisa sobre essa imagem? 
Saudações 
José Alves Catarino
 3 Escrito por Antonio J Mendes, on 19-09-2009 17:09
No fim dos anos 50 e início dos anos 60 (1), escutava o meu pai e os outros patrícios (2) que se reuniam para jogar sueca (jogo de cartas), volta e meia surgiam comentários sempre saudosos da festa de São Marcos e da Feira de Bois do Pergulho.  
Como não se tinha as informações que dispomos hoje, vim, a conhecer a história do touro através do Pergulho.Com. 
Após ler sobre a contradição histórica entre o touro e o leão, na referência a São Marcos, procurei informações sobre o fato e considero que a pesquisa acadêmica descrita abaixo, conduzida por Francisco Henriques (3, é elucidativa e está transcrita na integra. 
“Para o Pergulho (Proença-a-Nova), o mesmo autor (Dias, 1970:234) diz-nos que “São Marcos é o advogado dos touros bravos. ... Há na capela um touro de madeira onde os chefes de família levam as crianças bravas para baterem com as cabeças delas na cabeça do touro, que assim se farão mansas”. Assunção Vilhena (1995:277 e 409) complementa a informação com o seguinte registo “quando as crianças eram difíceis – bravas, como cá dizem, acreditam que se levassem a «marrar» no touro que S. Marcos tem aos pés, a criança ficava «mansa»”. 
São Marcos é o orago da igreja de Pergulho, Proença-a-Nova. Tinha festa no dia 25 de Abril de cada ano, hoje transferida para o Domingo mais próximo daquela data. A festa coincidia com uma feira de gado, que se realizava numa área próxima da igreja.” 
 
(1) No interior do Paraná onde ocorria o processo de colonização (derrubada da densa floresta tropical lá existente, desde tempos imemoriais) para o preparo da terra e o início das lavouras de café. 
(2) Pessoa que é da mesma povoação ou da mesma região que outra (com relação à qual se fala). 
(3) PSICOPATOLOGIA DA CRIANÇA NO SUL DA BEIRA INTERIOR (PERSPECTIVA ETNOLÓGICA) Francisco Henriques, Associação de Estudos do Alto Tejo, www.altotejo.org 
Antonio de Jesus Mendes

Apenas ulilizadores registados podem adicionar comentários.
Por favor registe-se.

Powered by AkoComment Tweaked Special Edition v.1.4.6
AkoComment © Copyright 2004 by Arthur Konze - www.mamboportal.com
All right reserved

 
 
© 2008 Pergulho.com
Powered by Joomla!